O casamento do Doutor Castor e da Catatua das Molucas

O Doutor Castor era tão orgulhoso que andava sempre com os dentes empinados. Olhava os outros virando os olhos para os lados. Vivia numa moradia luxuosamente grande. A certa altura da sua vida, a solidão bateu-lhe à porta. Procurou então uma pretendente, mas sempre de focinho muito empinado e tudo lhe passava ao lado... Assim começa esta história, que chama a nossa atenção para a preciosidade e a beleza do nosso planeta, que nunca esteve tão cheio de coisas inúteis e destrutivas. Ao mesmo tempo, fala-nos da conexão, do valor das coisas simples e da essência da vida. O castor tem uma incrível habilidade para explorar sítios, descobrir recursos abundantes, planear e, com engenharia, construir diques, em rios e riachos. Ele ensina-nos que podemos ser os arquitetos das nossas vidas. A catatua-das-molucas é uma ave bonita, comunicativa, de asas grandes e bico forte. Este casal protagoniza uma história feita de muitos animais, quase todos em risco de extinção.

  • Escreveu ou está a escrever um livro que quer publicar?
    Está no lugar certo! Na Atlantic Books estamos constantemente à procura de autores talentosos, para ajudar a transformar as suas ideias em excelentes livros.
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço.
Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.