Poemas de Deus e do Mar

Desde tempos imemoriais que o mar exerce um fascínio inex­plicável, atávico, espiritual mesmo, sobre todos os seres. Terá sido o habitat, o útero, das primeiras formas de vida do pla­neta, e quiçá do universo. Especificamente, o homem, o ser humano, sente-se atraído por ele, pela sua vastidão, pelo seu mistério, pelos seus horizontes inescrutáveis, inalcançáveis, e, ao contemplá-lo até ao fim do olhar, funde-o com o céu, e é dirigido inevitavelmente para o divino.

Deus e o mar, expoentes da hiperdimensão que nos perturba, mas que nos deslumbra, fundem-se nas suas vertentes enig­máticas, ora no plano espiritual, ora no plano físico, material, e remetem-nos para uma escala exoterrestre, universal.

  • Escreveu ou está a escrever um livro que quer publicar?
    Está no lugar certo! Na Atlantic Books estamos constantemente à procura de autores talentosos, para ajudar a transformar as suas ideias em excelentes livros.
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço.
Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.